Logo BTA Creative
Audiovisual

IoT – transformando a interação entre usuários e objetos

8 de julho de 2019

iot-internet-of-things

IoT é a sigla para o termo em inglês “Internet of Things”, ou Internet das Coisas em português. Com o avanço tecnológico, a conexão móvel se tornou tão confiável que é possível conectar quase tudo, monitorando dados e interagindo com outros usuários.

Há pouco tempo, a única forma de se conectar à internet era através de cabos. Porém, as conexões sem fio, tanto Wi-Fi, quanto 5G, aumentaram as possibilidades e tornaram possível conectar-se através de diversos dispositivos, ampliando a interatividade entre os usuários e as “coisas”.

Conceito da IoT

A Internet das Coisas consiste na interconexão digital de objetos cotidianos com a internet. Ou seja, uma rede de objetos físicos capaz de coletar e transmitir dados, além de permitir controlar remotamente esses objetos.

O conceito surgiu na década de 1990, no Laboratório de Auto-ID do Massachusetts Institute of Technology (MIT). Os pesquisadores faziam estudos no campo da identificação por radiofrequência em rede (RFID) e tecnologias de sensores (Wireless Sensor Network). Assim, a ideia era criar um registro global de objetos usando um sistema de numeração único, chamado código eletrônico de produto.

Internet das Coisas hoje

Com os objetos conectados, a construção de um mundo sem fronteiras entre a internet e todas as coisas irá contribuir para os mais diversos segmentos de mercado, desde carros autônomos mais confiáveis, casas inteligentes, lojas, até cidades inteiras.

A Internet das Coisas consiste em uma conexão avançada de dispositivos, sistemas e serviços. Por exemplo, os carros autônomos, em que cada veículo capta as informações da web, como itinerários, rotas, atalhos e a situação do trânsito em tempo real, além de enviar e receber dados de outros veículos, evitando acidentes.

IoT em nosso cotidiano

Através da IoT, é possível acender as luzes da garagem antes de chegar em casa, saber quando alguma coisa da sua geladeira está acabando, controlar a temperatura do ar-condicionado, cortinas e janelas, entre outras coisas. Tudo é controlado pelo seu smartphone, ou tablet.

A Amazon possui uma cadeia de lojas de conveniência nos Estados Unidos chamada Amazon Go. O cliente pode entrar, pegar qualquer produto da prateleira e sair, sem passar pela caixa registradora. A cobrança é feita diretamente pelo app da Amazon, onde basta o usuário estar com seu cartão de crédito cadastrado.

O sistema funciona utilizando câmeras e sensores, combinados a algoritmos desenvolvidos para identificar qualquer produto retirado da prateleira. O produto é adicionado à lista de compras automaticamente, enquanto sensores instalados na saída enviam a cobrança para o cartão de crédito do cliente, totalmente sem filas. Atualmente, são 12 lojas Amazon Go, todas nos EUA, porém a Amazon pretende abrir 3.000 lojas como estas até 2021.

 

A transformação digital já começou, ficar de fora deixará o seu negócio defasado perante a concorrência. Nós temos soluções personalizadas em Marketing Digital para sua empresa. Para receber Newsletters com tudo o que publicamos em nosso blog, preencha o formulário.


Entenda o que é LGPD e suas aplicações

17 de setembro de 2020

A Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) mudará a forma como as empresas tratam…

aD.ictionary: Dicionário de termos da Publicidade

16 de março de 2020

“Vou te passar o briefing e depois vamos fazer um brainstorming. Mas antes, preciso confirmar…